Por que marketing de conteúdo?

Desde sempre uma boa comunicação disse respeito a um bom conteúdo sob uma boa forma.
Mas, atualmente, em um mundo de mídias fragmentadas, com audiências submetidas a um volume brutal de informações com baixa capacidade de atenção e foco, ficou bastante difícil para produtos e marcas passarem suas mensagens.
Por isso se fala tanto em marketing de conteúdo.
Ou seja, contar boas histórias – ou melhor: estratégias de histórias, onde as audiências se sintam motivadas a levar o tema adiante, senão como seu (seria pedir muito?), pelo menos como sendo um tema com o qual se comungam valores e propósitos.
Isto é o que defende Christel Quek da Havas Media Group em recente artigo para a Harvard Business Review.

audiencia

 

http://blogs.hbr.org/cs/2013/06/make_your_brand_story_meaningf.html

Conheça e curta a página da W21Mercurion no Facebook, onde assuntos ou temas que fazem parte (direta ou indiretamente) das nossas atividades: tecnologia, Internet, design, arte, fotografia, mídias sociais, mobile, tendências e comportamentos são citados a partir de fontes da Internet para formar um corpo coerente. Diferentes tempos, diferentes temas, diferentes fontes, conversando sincronicamente, organizados de forma singular mas permitindo uma leitura plural. Quase uma revista é possivelmente o mesmo conceito.


Postado em Marketing de conteúdo e com a tag em .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *