A propaganda tem que ir além do discurso. Sempre teve.

A marca, muito mais do que contar uma história, deve fazer o cliente se sentir parte de uma narrativa. ???Temos que criar mundos, não an??ncios???, afirmou Chesnut, chief experience officer da SapientNitro, a maior agência de mídia digital nos Estados Unidos.
A coisa ?? muito mais fácil de se falar do que de se fazer.
Pressup??es um alto nível de interatividade, das mais diferentes formas – das quais a digital ?? uma delas, e possivelmente a mais presente. A interatividade digital costura um conceito, mas não ?? o conceito (a narrativa, o mundo). Que ?? uma proposta focada, vi??vel e acessível (mesmo que não seja para muitos).
Apple e Porsche. Design e performance. Ambos.

http://info.abril.com.br/noticias/internet/2013/08/temos-que-criar-mundos-nao-anuncios.shtml

rain room_w21mercurion


Postado em Propaganda e com a tag , em .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *