Arquivo mensais:maio 2016

A Arte funda a História

michelangelo-adao-deus-criacao-de-adao-capela-sistina-flickr-stevecorey-8312101691

A Arte funda a História
(Martin Heidegger)
Somos produtos da, e submetidos à, cultura.
Cultura é costume, hábito, norma, regra, repetição não crítica, comunicação (pessoal ou de massa), as retóricas aceitas. As lógicas dos sistemas presentes.
A cultura nos parece ser o normal. O universalmente válido. A essência. A verdade.
A obra de arte (“enquanto exceção e singularidade solitária”) “é justamente uma condição rara e privilegiada de distanciamento crítico em relação à cultura”.
Cultura ̩ regra, arte ̩ exce̤̣o Р(Jean-Luc Godard).
O historiador fala das coisas que foram,
o poeta fala das coisas que poderiam ser
e sobretudo deveriam ser.
“Não é, Raana, que eu soe mais alto
Ou mais doce que os outros. É que eu
Sou um Poeta, e bebo vida
Como os homens menores bebem vinho.”
(Trovador proven̤al Рvia Ezra Pound?).
Os artistas ṣo a antena da ra̤a Р(Ezra Pound).
eu sou eu,
assino arte
(filosofia, ciência)
para além
da cultura e religião,
e seja o que Deus quiser.

 

Conheça e curta a página da W21Mercurion no Facebook, onde assuntos ou temas que fazem parte (direta ou indiretamente) das nossas atividades: tecnologia, Internet, design, arte, fotografia, mídias sociais, mobile, tendências e comportamentos são citados a partir de fontes da Internet para formar um corpo coerente. Diferentes tempos, diferentes temas, diferentes fontes, conversando sincronicamente, organizados de forma singular mas permitindo uma leitura plural. Quase uma revista e possivelmente o mesmo conceito.
O conteúdo não é um ponto de partida mas um ponto de chegada.


Postado em Arte, Cultura, Literatura em .